• Argentina
  • Bolívia
  • Brasil
  • Chile
  • Colômbia
  • Costa Rica
  • Cuba
  • Equador
  • El Salvador
  • Guatemala
  • Honduras
  • México
  • Nicarágua
  • Panamá
  • Paraguai
  • Peru
  • República Dominicana
  • Uruguai
  • Venezuela
Paraguai
Promotoria revela novas provas no caso de rede de pornografia em prisão do Paraguai

foram apreendidos oito novos vídeos pornográficos de menores de idade filmados na Penitenciária Nacional de Tacumbú, no Paraguai, crime denunciado há cerca de um mês.

Martínez continua investigando o escandaloso caso que gerou indignação. O abuso foi descoberto durante uma inspeção no presídio, localizado nas proximidades da capital paraguaia e que é o maior do país.

De acordo com as autoridades, as jovens eram enganadas por meio de redes sociais e, para evitar a publicação de suas fotos íntimas entre os reclusos, os visitavam sob ameaça. Quando chegavam à prisão, as garotas eram abusadas.

A promotora também repudiou a declaração dos acusados, afirmando que não passa de "um jogo sujo e perverso". Os réus alegam, por sua vez, que as jovens teriam ingressado no local por conta própria e cobrado por isso.

Em um dos vídeos, segundo Martínez, vê-se uma menina chorando e lutando para não ser violentada pelos criminosos.

Atualmente, dois presos e dois pastores evangélicos foram acusados porque teriam conhecimento dos casos e não os denunciaram. O diretor da penitenciária, Julio Acevedo, também foi citado no processo e afastado do cargo.

Pouco depois da divulgação da existência da rede de pornografia, o presidente do país, Fernando Lugo, ordenou a realização de uma "rigorosa" investigação.

"Este governo não permitirá que instituições se convertam em centros de operações de criminosos perversos", advertiu naquela ocasião.

Fonte: Folha de SP - Acesso em 20/10/2010

 
últimas notícias da categoria:
 
Mais notícias desta categoria:
 
Veja todas as notícias:
 
Envie esta notícia

 Voltar
  • banner_america_latina

© Copyright 2007 / 2007 - Todos os Direitos Reservados