• Argentina
  • Bolívia
  • Brasil
  • Chile
  • Colômbia
  • Costa Rica
  • Cuba
  • Equador
  • El Salvador
  • Guatemala
  • Honduras
  • México
  • Nicarágua
  • Panamá
  • Paraguai
  • Peru
  • República Dominicana
  • Uruguai
  • Venezuela
Chile
Em Londres, presidente do Chile dá pedras da mina San José e ganha 33 cervejas

 presidente chileno, Sebastián Piñera, deu à rainha Elizabeth 2ª e ao primeiro-ministro britânico, David Cameron, pedras tiradas do fundo da mina San José, onde 33 homens ficaram presos por 69 dias --um símbolo de seu esforço para transformar o sucesso do resgate em uma renovação da imagem internacional do Chile.

O resgate dos 33 mineiros uniu os chilenos e gerou uma onda de simpatia em todo o mundo.

O gabinete de Cameron informou que o primeiro-ministro deu a Piñera 33 garrafas da tradicional cerveja London Pride, da Fuller --uma para cada um dos mineiros resgatados-- e uma edição da história de Robinson Crusoé. O livro de Daniel Defoe é baseado nas aventuras de um náufrago em uma ilha chilena.

Piñera disse a jornalistas que as relações econômicas, energia limpa e educação estão entre os tópicos discutidos com o premiê britânico.

O clube Manchester United, que convidou os mineiros para uma visita, também deve receber uma pedrinha da mina.

A viagem de Piñera pela Europa, que começou no fim de semana em Londres, pode ajudar a melhorar ainda mais a imagem de um país que muitos ainda associam à ditadura do general Augusto Pinochet (1973-1990). Depois de Londres, Piñera segue para França e Alemanha.

A brutalidade de Pinochet --considerado culpado por centenas de desaparecimento em sua campanha para esmagar a oposição-- tornou-o um símbolo da repressão de direita na América Latina. Sua prisão em Londres, em 1998, sob um mandado de prisão espanhol deixou a complicada história do Chile sob a mira do público europeu.

PROMESSA

Piñera se comprometeu também a garantir pela lei a segurança dos mineiros chilenos e a fomentar no país uma cultura "de respeito e a proteção dos trabalhadores". A afirmação foi feita ao fim de uma reunião com Cameron.

"Aprendemos a lição da mina de San José", garantiu Piñera em declarações aos jornalistas que o esperavam a porta do número 10 da Downing Street, residência do primeiro-ministro do Reino Unido.

O presidente chileno explicou que seu governo empreendeu "uma profunda revisão dos padrões vigentes" quanto à segurança nas minas, e adiantou que nos próximos dias fará um importante anúncio a esse respeito.

Fonte: Folha de SP - Acesso em 20/10/2010

 
últimas notícias da categoria:
 
Mais notícias desta categoria:
 
Veja todas as notícias:
 
Envie esta notícia

 Voltar
  • banner_america_latina

© Copyright 2007 / 2007 - Todos os Direitos Reservados